terça-feira, 19 de maio de 2015

Golpe Comunista

1913

Em 1913 é escrito o Decálogo de Vladimir Ilitch Lenin, um dos resposáveis pela Revolução Russa de 1917, com as táticas para a tomada do poder:

1. Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual;

2.. Infiltre e depois controle todos os veículos de comunicação de massa;

3.. Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais;

4.. Destrua a confiança do povo em seus líderes;

5.. Fale sempre sobre Democracia e em Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o Poder sem nenhum escrúpulo;

6.. Colabore para o esbanjamento do dinheiro público; coloque em descrédito a imagem do País, especialmente no exterior e provoque o pânico e o desassossego na população por meio da inflação;

7.. Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do País;

8.. Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;

9.. Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Nossos parlamentares infiltrados nos partidos democráticos devem acusar os não-comunistas, obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for de interesse da causa socialista;

10.. Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de fogo, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa…


1922

No dia 25 de março,  fundação do Partido Comunista do Brasil, 5 anos após a  Revolução Rússia. 


1933

O Partido Comunista Brasileiro (PCB)  participou das eleições para a Assembléia Nacional Constituinte sob a legenda da "União Operária e Camponesa", não conseguindo eleger nenhum de seus candidatos.

Na Ucrânia, no período 1932-1933, Josef Stalin, no comando da URSS, decreta o confisco dos alimentos da população, causando a morte, por inanição,  de cerca de 5 milhões de pessoas.


1935

Em abril, Luiz Carlos Prestes, membro do PCB,  retorna da União Soviética com o plano de promover um levante armado e instaurar um governo “revolucionário” comunista no Brasil. Ele junto com os tenentes descontentes com o Governo Vargas, organizam o levante.

Em novembro, alguns militares descontentes, realizam  a primeira tentativa de golpe comunista no Brasil, conhecida como a “intentona comunista” ou “revolta vermelha”.


1937

Em 10 de novembro de 1937 foi deflagrado o golpe que determinou o fechamento do Congresso Nacional e a abolição de todos os partidos políticos no país, instaurando o Estado Novo


1938

Em dezembro, fundação da UNE, por iniciativa da União da Juventude Comunista Brasileira, criada oficialmente em 1927.


1939

Em dezembro,  é criado o Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP) da Ditadura Vargas, através de decreto de Getúlio Vargas.  O DIP serviu como instrumento de censura e propaganda do governo durante o Estado Novo.Mais tarde o DIP cria a imagem de que o Futebol, o Carnaval e o Samba eram os símbolos do Brasil. Na década de 1940 surgem as "chanchadas", filmes com humor e fundo musical carnavalesco, produzidos pela firma carioca Atlântida Cinematográfica. A mesma que produzia os  documentários "Atualidade Atlântida", exibidos nos cinemas,  para divulgação de notícias de interesse do DIP.


1945

Integrantes do Partido Comunista formam as “Ligas Camponesas”, na verdade Guerrilhas Comunistas, com o suposto objetivo de promover a reforma agrária e a melhoria das condições de vida no campo. A Liga foi  extinta em 1964, após o contra golpe dos militares.


1946

Em janeiro de 1946, o General Eurico Gaspar Dutra, após eleições, assume a presidência da República. Os comunistas, que haviam obtido resultados eleitorais expressivos nas eleições de 1945 e 1947, foram vítimas de uma ferrenha perseguição por parte de seu governo. Em abril de 1947, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cancelou o registro do PCB, argumentando que o partido era um instrumento da intervenção soviética no país.

Década de 1950 

O pai de FHC, o General Leônidas Fernandes Cardoso (1889-1965), já na década de 1950 era recrutador de membros do Partido Comunista no Brasil, ou seja, era praticamente um agente da KGB infiltrado no Exército Brasileiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário