sábado, 9 de maio de 2015

Golpe Comunista no Brasil

2007

“A administração Lula repassou R$ 12,6 bilhões a 7.700 ONGs (Organizações Não-Governamentais) por meio de 20 mil convênios entre 2003 e 2007”. (Ivo Patarra)

Em julho, Lula é vaiado quatro vezes na abertura dos Jogos Pan Americanos no Maracanã, no Rio de Janeiro. O fato levanta suspeita de manipulação da contagem dos votos das urnas eletrônicas, pois segundo o TRE, Lula teria ganho 70% dos votos no Estado do Rio de Janeiro.

Em setembro, Lula anuncia o plano de construção de um gasoduto entre o Brasil e a Venezuela com custo de 20 bilhões de dólares, além dos projetos de construção das Refinaria de Abreu e Lima, em Pernambuco, e do Orinoco, na Venezuela, ambas com a participação da Petrobrás e da Petróleos da Venezuela (PDVSA).

No dia 9 de novembro de 2007, um trem com ministros do governo Lula é alvejada por balas na zona  norte do Rio de Janeiro, sem que mais tarde não houvesse nenhuma reclamação ou retalhação destas mesmas vítimas sobre o ocorrido, o que só confirmava a conivência do governo  com o crime organizado no país. Enquanto o crime imperava na ex-capital da república, o governo Lula enviava, desde 2004,  nossas tropas para o Haiti, como se no Brasil não houvesse nenhum tipo de problema de criminalidade.

Segundo, uma reportagem do Jornal a Folha de São Paulo de 20 de dezembro de 2007:“ Em dezembro na região das fronteiras entre Brasil e Guiana, a presença militar e governamental da Venezuela é intensa, ao contrário do lado brasileiro e do guianense. O ímpeto armamentista do presidente Hugo Chávez já preocupa as Forças Armadas brasileiras. Em setembro, o Comando Militar da Amazônia chegou a investigar se aconteceram pousos de aviões militares da Venezuela no Brasil. O fato foi descartado pela investigação.”

Assinatura da Declaração Universal dos Direitos dos Indígenas. Uma armação da ONU para transformar reservas indígenas, ricas em minerais, em territórios indígenas independentes, separados do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário