segunda-feira, 27 de abril de 2015

Mussolini comprova: Fascismo é Esquerda



Publicado em 27 de nov de 2014
Crescemos escutando que o fascismo "é de direita" e ouvindo esquerdistas usarem o termo "fascista"(entre outros chavões) para adjetivar qualquer pessoa que não compartilhe de seus mesmos ideais políticos. Mas tirando o interesse manipulador esquerdista em associar seus opositores a uma alcunha negativa, quais fatos tornariam o fascismo "de direita"? 
O vídeo é uma ilustração do perfil populista e anti-reacionário do Fascismo o qual o senso comum insiste em taxar de "direita". 

Além dessa ilustração áudio-visual, analisemos as características práticas do fascismo e a biografia de Benito Mussolini, pai do fascismo, para então podermos julgar coerentemente a qual lado do espectro político o fascismo deve ser associado.

Benito Mussolini foi desde sua infância fortemente influenciado pelos ideais socialistas revolucionários de seu pai, Alessandro Mussolini. Quando jovem, Benito participou ativamente do movimento socialista escrevendo para o jornal L'Avvenire del Lavoratore, discursando para operários e cumprindo função de secretário do sindicato dos trabalhadores. Por seu temperamento forte e polêmico foi expulso do Partido Socialista em 1914 e após a Primeira Guerra Mundial formou uma milícia paramilitar que futuramente viria a dar origem ao Partido Fascista, no qual Mussolini seria nomeado primeiro-ministro. 

Longe de caracterizar-se como uma oposição ideológica, o novo partido de Mussolini surge como uma concorrência ao Partido Socialista. Os ideais fascistas consistiam em construir um Estado forte e centralizador e atrair a classe operária para formar uma mentalidade coletivista proletária subjugada ao Estado. Apesar de fazer acordos estratégicos - necessários para sua sobrevivência política - com a burguesia e a Igreja, os inimigos ideológicos dos fascistas eram os mesmos inimigos do socialismo soviético: a moral judaico-cristã, o capitalismo e a noção de governo limitado e descentralizado. Todos esses fatores (estes sim de fato de Direita) impediriam a formação de uma mentalidade popular coletivista subordinada a um Estado "Todo Poderoso", por isso eram fortemente combatidos pelos fascistas.

E então, seria o fascismo "de direita" só porque o senso comum repetiu o que os esquerdistas disseram, ou seria ele uma ideologia irmã do socialismo e portanto de esquerda?

Discurso completo de Mussolini no dia 10/06/1940, em Roma: https://www.youtube.com/watch?v=Zd2hy...

Nenhum comentário:

Postar um comentário